A Primeira Dama da Moda

1_jackennedy_instagramJacqueline Kennedy Onassis faria, na última segunda-feira, 28 de Julho, 85 anos de idade, se o câncer linfático não tivesse cerceado sua vida, em 1994.

Foi primeira dama dos Estados Unidos de 1961 a 1963, mas consagrou-se como a mais elegante de todos os tempos. Reunia vários atributos: um harmonioso emaranhado de inteligência, cultura, humor, carisma e bom gosto, mas foi seu estilo, impresso em looks atemporais e levemente sóbrios, que  alçaram a ambiciosa jornalista ao pedestal da imortalidade.

Sua elegância parecia natural e a fez ser destaque, mesmo ocupando posição de coadjuvante do presidenteJohn Kennedy. Os olhares atenciosos dos admiradores acompanharam Jack por toda a sua vida.

√     Para as cerimônias oficiais, vestidos estruturados de corte reto, pouco decotados, laços, tailleurs de cores claras e tons sóbrios e acessórios como pérolas, luvas e chapéus faziam a oposição lhe denunciar de “afrancesada”. Habilmente, ela preservou os gostos mudando apenas a nacionalidade dos estilistas, de origem americana, como a venezuelana Carolina Herrera.

√     Nas festas, imperavam os longos em cetim, brocados, cintura marcada e colo a mostra, com sapatos de salto médio.

√     Nos looks casuais, a onipresença de calças alfaiataria, cardigãs, t-shirts básicas, florais e sapatilhas preservavam a sofisticação.

Tendo Jack Kennedy como referência, a opinião pública institui correntemente comparativos com outras mulheres que ocupam ou ocuparam a mesma posição, como Carla Bruni e Michelle Obama, e rainhas como Letízia da Espanha e Rania da Jordânia.

Uma eterna inspiração para quem gosta dos estilos clássico e romântico.

Beijos, queridos, e até a próxima!

mayrinne  Eu sou Mayrinne Meira Wanderley, historiadora, mestre e doutora em Sociologia (PPGS/UFPB), com ênfase em consumo, e professora de Design de Moda do Unipê. Estou aqui para falar de roupas, moda e modismos para vocês. Um grande prazer.  Sejam sempre muito bem-vindos.

 

Foto: That Hatford Guy / creative commons

*Texto publicado primeiramente no bloguesia.com.br